Exportações de ovos aumentam 138%

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Segundo, ABPA, em setembro, foram exportadas 650 toneladas

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) divulgou um levantamento que mostra que as exportações brasileiras de ovos aumentaram quase 138% (137,7%) no último ano. Entre janeiro e setembro de 2020, foram embarcadas 3,083 mil toneladas de produtos in natura e processados. No mesmo período deste ano, foram 7,329 mil toneladas.

Só este mês, foram exportadas 650 toneladas, volume 122,5% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, com 292 toneladas.

Ao todo, em receita, as exportações de ovos totalizaram US$ 11,540 milhões nos nove primeiros meses de 2021, número 111,8% superior que o registrado em 2020, com US$ 5,450 milhões. Somente em setembro, foram US$ 1,480 milhão em receita, número 35,6% maior que os US$ 1,092 milhão registrados no mês de 2020.

O principal destino das exportações continua sendo os Emirados Árabes. Este ano, 4,406 mil toneladas foram exportadas. Segundo Ricardo Santin, presidente da ABPA, “a principal aposta está nos Emirados Árabes Unidos, que é justamente onde há forte retomada das atividades. Ao mesmo tempo, o setor busca, com isto, reduzir os danosos impactos dos custos elevados de produção, que ainda penalizam toda a cadeia produtiva”.

Japão e Omã vêm em seguida como principais compradores de ovos brasileiros.

FONTE: Capitalist

últimas notícias no Comércio Exterior

solicitar atendimento

vamos conversar sobre Comércio Exterior ?

services for companies outside Brazil