fbpx

Aeroporto de Campo Grande registra alta na movimentação de cargas no primeiro semestre

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Os principais destinos das mercadorias foram Chile e Espanha.

O Teca (Terminal de Logística de Carga) do Aeroporto Internacional de Campo Grande registrou alta de 6,3% na movimentação de cargas no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período de 2018. Foram movimentadas 595,6 toneladas (t) em produtos enquanto que, no mesmo período em 2018, foram 560,4 t.

Os principais itens processados pelo complexo logístico sul-mato-grossense são confecções/têxteis e materiais químico-farmacêuticos, com destaque para o setor de importações, que movimentou 593,4 t nos seis primeiros meses do ano. Os principais destinos das mercadorias foram Chile e Espanha.

O superintendente do aeroporto, Richard Aldrin Fernandes Custodio, explica que o resultado positivo se deve a fatores como o trabalho efetivo da Infraero com os parceiros do comercio exterior no estado do Mato Grosso do Sul. “A parceria na prospecção e apoio ao comercio exterior entre Infraero e ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), FIEMS (Federação das Indústrias do Mato Grosso do Sul), Governo do Estado e órgãos anuentes tem dado um resultado muito positivo ao desenvolvimento do setor”, destacou.

Inaugurado em 2009, o Teca de Campo Grande tem área total de 1.152,99 m², sendo 475,89 m² de área coberta, trabalha com importação e exportação.

FONTE: A crítica

últimas notícias no Comércio Exterior

solicitar atendimento

vamos conversar sobre Comércio Exterior ?

services for companies outside Brazil