fbpx

Algodão: exportação em julho cresce 440% em volume e 362% em receita

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

As exportações de algodão do Brasil totalizaram 47,0 mil toneladas em julho, salto de 440% ante igual mês de 2018, quando o Brasil havia embarcado apenas 8,7 mil toneladas ao exterior. A receita somou US$ 74,4 milhões em julho, 362% acima do desempenho de julho do ano passado (US$ 16,1 milhões). Os dados, da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia divulgados consideram 23 dias úteis.

Entretanto, em relação a junho, o volume embarcado ficou 23,7% abaixo das 61,6 mil toneladas. A receita caiu 27,6% ante o mês anterior, quando o Brasil havia obtido US$ 102,9 milhões com a exportação da fibra.

A colheita e o beneficIamento da safra nova de algodão, referente ao ciclo 2018/19, estão no início e os embarques verificados no mês passado ainda se referem a lotes da safra 2017/18 contratados antecipadamente. Em outros anos, as exportações eram muito fracas neste período, mas graças à produção volumosa em 2017/18 e à negociação antecipada para exportação, neste ano os embarques ficaram mais bem distribuídos ao longo do ano. Mesmo o volume exportado tendo diminuído em julho ante o mês anterior, ainda superou bastante o embarcado um ano antes.

O preço médio da tonelada da pluma exportada foi de US$ 1.584,30, ante US$ 1.853,90 em julho do ano passado. Em junho deste ano, o preço médio havia sido de US$ 1.670,70.

No acumulado dos sete meses de 2019, o País embarcou 556,5 mil toneladas da pluma, com faturamento de US$ 942,7 milhões.

FONTE: Isto É Dinheiro

conheça os serviços para sua empresa atuar na importação e exportação

atendimento nacional

conheça nossos serviços
últimas notícias no Comércio Exterior

Contate-nos

3003 5339

13 3321 9321
65 4141 4540

WhatsApp

clique acima

Preencha seus dados abaixo