fbpx

Andaterra reforça apelo ao Senado para rejeitar taxação das exportações do agro

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Senado tem a oportunidade de corrigir, nesta terça-feira 19, durante a votação do segundo turno da PEC Paralela, uma medida que poderá trazer sérios problemas ao país: a taxação das exportações agrícolas via Funrural. A afirmação é do presidente da Andaterra, Sérgio Pitt, ao defender a aprovação da emenda de plenário da senadora Soraya Tronick (PSL-MS) que exclui da PEC Paralela a taxação das vendas externas do agro.

“Não podemos exportar tributos, sob pena de tirarmos a competitividade dos nossos produtos agropecuários justamente num momento em que o governo está empenhado em ampliar e abrir novos mercados”, diz Pitt. “É inconcebível que o relator da PEC da Previdência, senador Tasso Jereissati, queira ajustar as contas da Previdência causando prejuízos ao agro, o setor mais exitoso da nossa economia.”

O presidente da Andaterra assinala que a taxação das exportações vai onerar o setor em cerca de R$ 60 bilhões nos próximos 10 anos, o que significa um aumento de tributação sobre o agro. “A pretexto de elevarmos a arrecadação, podemos encolher o superávit da balança comercial brasileira, que tem sido superior a U$ 80 bilhões por ano.”

Pitt alerta que “o Brasil está querendo copiar a desgraça sofrida pela vizinha Argentina, onde aniquilaram o agro, que também era o segmento mais eficiente da economia.” Segundo ele, a taxação do agro ameaça empobrecer o setor e aprofundar o desemprego no campo. “Por isso, esperamos que os senadores tenham bom senso e aprovem a emenda da senadora Soraya nesta terça.”

Nos últimos dias, a Andaterra mobilizou produtores de todo país para que pedissem aos senadores de seus estados para votar a favor de emenda da parlamentar do Mato Grosso do Sul.

FONTE; Agro em Dia

conheça os serviços para sua empresa atuar na importação e exportação

atendimento nacional

conheça nossos serviços
últimas notícias no Comércio Exterior

Contate-nos

3003 5339

13 3321 9321
65 4141 4540

WhatsApp

clique acima

Preencha seus dados abaixo