fbpx

Exportações de grãos para árabes devem aumentar

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Entre os maiores países importadores aparecem Argélia, Arábia Saudita e Marrocos.

O Brasil é o maior exportador de produtos halal do mundo e os negócios com países árabes são promissores e estão em franca expansão, conforme declarou o presidente Jair Bolsonaro nesta segunda-feira (19), durante a abertura do Fórum Econômico Brasil & Países Árabes.

Atualmente maior demanda é de proteínas de frango e bovina, açúcar e minério. Mas diante da projeção de mais uma grande safra brasileira os grãos podem ganhar mais espaço nesse mercado. De janeiro a setembro de 2020, foram exportadas 11.7 milhões de toneladas para os países árabes. Segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) seguiram para aqueles países 7.3 milhões de toneladas de açúcar, 3.4 milhões de toneladas de milho, 954 mil toneladas de soja e 10 mil toneladas de arroz.

Entre os maiores países importadores aparecem Argélia (US$ 495 milhões), Arábia Saudita (US$ 299 milhões) e Marrocos (US$ 291 milhões) nas três primeiras posições. No milho o maior comprador foi o Egito, com US$ 278 milhões e mais de 1.7 milhão de toneladas. Na soja o campeão é a Argélia, com US$ 119 milhões e 352 mil toneladas da oleaginosa. No arroz a líder é a Arábia Saudita, com US$ 3 milhões e 6.3 mil toneladas.

Para exportar boa parte dos países árabes exigem a certificação halal que atende às exigências da jurisprudência islâmica como a proibição de qualquer incidência suína ou vestígio de álcool. A auditoria halal é realizada desde o plantio, colheita até armazenamento/beneficiamento, ou seja, são avaliados todos os processos que vão desde OMG (Organismos Geneticamente Modificados, mais conhecidos como transgênicos), insumos e lubrificantes, embalagem, armazenagem e transporte de acordo com a jurisprudência islâmica.

FONTE: Agrolink

conheça os serviços para sua empresa atuar na importação e exportação

atendimento nacional

conheça nossos serviços
últimas notícias no Comércio Exterior

Contate-nos

3003 5339

13 3321 9321
65 4141 4540

WhatsApp

clique acima

Preencha seus dados abaixo