fbpx

Exportações de ovos crescem mais de 300% em abril

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

No mês passado, as vendas externas alcançaram 865 toneladas; nas receitas, o valor somado alcançou US$ 1,1 milhão.

As exportações brasileiras de ovos (considerando todos os produtos, entre in natura e processados) alcançaram 865 toneladas em abril, número 307,9% superior ao registrado no mesmo período de 2020, quando foram embarcadas 212 toneladas. As vendas de abril geraram receita de US$ 1,1 milhão, resultado 321,8% superior ao obtido no quarto mês do ano passado, com US$ 264 mil, informou a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

No acumulado do ano (janeiro a abril) as exportações de ovos totalizaram 4,638 mil toneladas, número 162,3% superior ao efetivado no primeiro quadrimestre de 2020, com 1,768 mil toneladas.

Em receita, a alta acumulada chega a 173,1%, com US$ 6,211 milhões de saldo em 2021, contra US$ 2,269 milhões em 2020.

Principal importador do produto brasileiro, os Emirados Árabes Unidos importaram 3,461 mil toneladas nos quatro primeiros meses deste ano, número 339,1% superior ao embarcado no mesmo período do ano passado, com 788 toneladas. Outros destaques foram o Japão, com 133,6 toneladas (+18,5%) e Omã, com 270 toneladas (sem registros de embarques no ano anterior)

“A retomada das atividades nos Emirados Árabes Unidos estão impulsionando as vendas internacionais do setor de ovos, o que ajuda a minimizar o impacto da alta dos custos de produção às empresas deste segmento que hoje atuam no mercado internacional”, analisa Ricardo Santin, presidente da ABPA

FONTE: Canal Rural

últimas notícias no Comércio Exterior

solicitar atendimento

vamos conversar sobre Comércio Exterior ?

services for companies outside Brazil