Receita no campo e exportações tendem a crescer

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O previsto aumento da produção brasileira de soja nesta safra 2019/20 deverá gerar reflexos positivos tanto sobre o valor bruto da produção (VBP) do grão quanto sobre as exportações da commodity em 2019.

A soja é o carro-chefe do agronegócio exatamente por seus resultados nas duas frentes. Em 2019, segundo o Ministério da Agricultura, o VBP do grão deverá alcançar R$ 129,1 bilhões, 13,1% menos que no ano anterior. Mas se o avanço da colheita de fato chegar ao patamar recorde da safra 2017/18, o montante, em 2020, tende a se aproximar do resultado de 2018 (R$ 148,6 bilhões). No momento, contudo, os preços estão mais baixos e é difícil dizer a envergadura da recuperação.

Analistas afirmam que também é cedo para arriscar o que poderá acontecer com a receita das exportações de soja em grão em 2020, embora o volume dos embarques tenda a aumentar, pela maior disponibilidade de matéria-prima e porque perduram as disputas comerciais entre Estados Unidos, o segundo maior exportador mundial – atrás do Brasil – e a China, que lidera as importações.

Segundo a Abiove, que representa as indústrias de óleos vegetais, em 2019 os embarques do grão deverão alcançar 72 milhões de toneladas, ante 83,3 milhões no ano passado. O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) projeta as exportações brasileiras em 76 milhões na safra 2019/20.

FONTE: Valor Econômico

consulte sua habilitação Radar / Siscomex

copie o link abaixo, abra uma nova aba do navegador e cole na barra de endereço

Todos os serviços para
Comércio Exterior

Fale com um de nossos especialistas

Telefone

+55 13 3321-9321 | +55 65 4141-4540

WhatsApp

+55 13 3321-9321

E-mail

Preencha o formulário ao lado